Black Friday: confira dez dicas para comprar com segurança
black friday night

A Black Friday está chegando e algumas dicas podem ajudar na hora de fazer as compras online. Dessa forma, é possível aproveitar ao máximo as ofertas, ainda mais se já estiver antecipando as compras de natal. No Brasil, o evento está marcado para a madrugada da próxima sexta-feira (28), promovido pelo portal Busca Descontos, que apresenta ofertas de diversos sites nacionais. Veja um guia com as melhores dicas para não perder os preços baixos.

Para quem não conhece, a Black Friday é uma grande promoção que ocorre no dia seguinte ao feriado de Ação de Graças, nos Estados Unidos. No dia do evento no Brasil, prepare o computador e deixe tudo organizado para conseguir as melhores ofertas, já que o acesso promete ser ainda maior. Segundo a análise de tendências e buscas realizada pela Conversion, consultoria especializada em Internet, o interesse dos consumidores aumentou mais de 200% para a versão da Black Friday deste ano, em comparação com o anterior.

Dica 1 – Selo de segurança da Black Friday e código de ética
Para ajudar os consumidores a escolher qual site é confiável para as compras da Black Friday, a organização da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico elaborou um selo oficial para identificar e evitar a ‘maquiagem dos preços’ por lojas online duvidosas, assim como um código de ética, que deve ser seguido pelos estabelecimentos cadastrados. Para conseguir o selo, os lojistas devem passar por inspeção da própria Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico, que verifica possíveis irregularidades. Então vale ficar de olho, principalmente nesta dica para ter mais segurança.

Dica 2 – Faça o cadastro nos sites que vão participar da Black Friday
Todos os sites de compras pedem um cadastro interno para o pagamento e envio da mercadoria. Portanto, para evitar perder tempo, ou ser alvo de quedas de conexão no site, pelo grande fluxo de acesso no dia, é recomendado já fazer uma conta com antecedência. Tudo isso facilita as compras: no dia da oferta, basta fazer o login e confirmar as informações de pagamento.

Dica 3 – Prepare uma lista de desejos
Antes de comprar, vale fazer uma lista com todas as prioridades. Assim, você não corre o risco de esquecer algum produto importante e perder a oferta. Alguns sites tem essa opção, mas que pode ser no lápis e papel mesmo. Depois, basta começar a caçada pelo melhor preço.

Dica 4 – Segurança: conheça os sites não recomendados e evite problemas
Não quer ter dor de cabeça depois das compras? Então tenha em mãos quais são os sites não recomendados para compras online. A lista divulgada pelo Procon ajuda bastante da hora de escolher em qual loja virtual comprar e mostra os sites podem ser uma cilada. Os golpes ocorrem com mais frequência na Black Friday, dia no qual os usuários fazem compras em maior fluxo e acabam acreditando na oferta mais baixa. Sempre escolha os sites de compras com as melhores recomendações: assim, o internauta tem mais garantias de receber o produto no prazo e em boas condições.

Dica 5 – Fique de olho: compare preços e confira a melhor oferta
Quando chegar o momento de fazer os cliques das compras, vale conferir se os preços realmente caíram e até selecionar a loja virtual com melhor valor. Para isso, alguns sites de buscas gratuitas como Zoom e Buscapé, além do Busca de Descontos podem ajudar. Faça quantas pesquisas precisar para ter certeza da compra.
O Zoom, por exemplo, está com uma ação para auxiliar os compradores durante a Black Friday: especialistas de produtos do Zoom estarão à disposição no Facebook, Twitter e por email, para responder os questionamentos dos internautas. Além disso, e mais importante, o buscador garante apresentar apenas ofertas reais, para que os consumidores não sejam enganados.

Dica 6 – Aproveite para fazer as compras de Natal
A família é grande? Então aproveite a Black Friday para fazer suas compras de Natal e garantir uma boa economia nas festas de final de ano. Assim, é possível adquirir um bom presente com preço mais barato. Lembrando que os valores tender a aumentar nos dois últimos meses do ano, principalmente por essa correria nas lojas. Vale garantir as lembranças e presentões.

Dica 7 – Prepare o computador e Internet
Como na Black Friday o fluxo de acesso aos sites aumenta bastante, é comum haver quedas na conexão com a loja online. Portanto, lembre de garantir uma boa velocidade de Internet no seu computador, para facilitar ao abrir várias páginas. Além disso, uma dica é tentar acessar a loja por dois navegadores, como Mozilla Firefox e Google Chrome , por exemplo: as vezes a resposta é melhor em um deles e você não perderá a chance de uma boa promoção.
Mas não se desespere: por vezes a conexão cai e o único jeito é esperar. Enquanto isso, atualize o navegador para ver a plataforma voltou ao ar (apertando o botão F5 no teclado). Também vale lembrar de deixar o antivírus atualizado e ativo, já que em grandes ofertas online os ataques de malwares tendem a aumentar, com o intuito de roubar dados dos usuários e cartões de crédito.

Dica 8 – Anote o horário das promoções
Apesar de quase todos os sites envolvidos na promoção ofertarem seus produtos em horários próximos, vale conferir na sua loja de destaque o horário do inicio das vendas. Assim, o usuário não corre o risco dos estoques esgotarem antes de comprar determinado equipamento. Também vale ficar de olho no fuso horário para não ter enganos.

Dica 9 – Conheça os sites participantes
Durante a Black Friday as irregularidades e enganações rolam na Internet. Para tentar fugir disso, conheça quais lojas estão realmente participando do evento. Assim, você não perde tempo nem cai em algum golpe. Segundo o site Reclame Aqui, os descontos devem ficar em torno de 30%. Então, desconfie de algum preço muito abaixo da concorrência.

Dica 10 – Denuncie irregularidades
Além disso, para denunciar irregularidades, o site Reclame Aqui oferece uma plataforma especialmente para a Black Friday, para que os consumidores relatem os problemas durante o evento. Basta acessar a página do Reclame Aqui e contar o que ocorreu. Lá também tem algumas dicas de como fugir das enganações.
Agora, é só esperar liberarem as ofertas para começar a comprar.

Fonte: Tech Tudo