Hábito de digitar sintomas no Google é combatido com campanha Adwords
Habito-de-digitar-sintomas-no-Google-ecombatido-com-campanha-Adwords

Se você já digitou algum sintoma no Google para obter um diagnóstico, saiba que tal atitude não é recomendada por especialistas. O governo da comunidade flamenga, na Bélgica, por exemplo, quis conscientizar a população disso e resolveu juntar forças com a DDB de Bruxelas.

O hábito de procurar os sintomas no Google em vez de consultar um médico é feito por 75% dos internautas, segundo o vídeo case da campanha. A DDB utilizou o Google AdWords anunciando entre os 100 sintomas mais procurados pelos internautas de lá para combater tal hábito.

Agora, quando as pessoas buscam os sintomas no site de busca, o primeiro resultado exibe a seguinte frase: “Não busque no Google”. O link direciona o internauta para um site onde fontes confiáveis de informações podem ser encontradas. Um vídeo bem-humorado mostrando os males que uma busca de sintomas no Google pode causar também é exibido na página.

Fonte: Adnews