O que é um site simples? Ainda vale a pena fazer um site?
site simples

Site simples é caracterizado pelo seu conteúdo. A aplicação web é caracterizada pela interação do usuário. Uma empresa cria um site, por exemplo, e coloca nele todos os dados de contato, conta sua história e exibe seus produtos. Já um amante de música clássica acessa a internet e, de forma online, cria suas próprias listas de música favoritas. Além disso, pode procurar outros novos artistas, consultar capas de álbuns e interagir 100% com o assunto. Assim, essas interações classificam a aplicação web, até mesmo pelo simples fato de o internauta pausar ou avançar as músicas desejadas.

Tipos de site
Quando o assunto é página na internet, existem muitos tipos de sites que podem ser acessados. Veja alguns deles:

Site institucional
É um site que serve, como porta de entrada para sua empresa. Muito utilizado para trazer informações de contato, informações sobre o histórico, missão, visão, valores, produtos e serviços. Ideal para mostrar e apresentar sua empresa na internet. Mesmo que o site institucional seja mais simples que outros sites como por exemplo lojas virtuais, EAD, entre outros, ele já atende a necessidade de grande parte das empresas.

Site dinâmico
Seria como o site institucional, porém de forma a ser sempre atualizado, dando uma aparência dinâmica. Assim, a empresa teria a opção de associar ao site um blog com todo o conteúdo de marketing digital. Por permitir rápida modificação e atualização, atrai mais atenção oferecendo audiência. Uma boa pedida é associar o site a um perfil de rede social, como o Facebook, Instagram, para postar mais conteúdos diversificados, como vídeos e fotos.

E-commerce
Sites de comércio eletrônico são, por sua vez, um grande facilitador de compras e vendas de produtos ou serviços via internet. Uma excelente opção para lojistas que podem exibir seus produtos online e expandir seu negócio. Vale ressaltar que esse tipo de site requer mais tempo para atualização constante dos produtos que estão à venda. Além disso, é sempre bom optar por HTTPS, já que se trata de uma plataforma onde os clientes vão depositar seus dados para realizar a compra.

Site one-page
Como o próprio nome já diz, é um site de apenas uma única página, e nela contém todas as informações que desejar. Pela facilidade de carregamento, este site tem grande vantagem no sentido mobile e por serem de cunho intuitivo. Assim, garantem uma atenção maior do público mais jovem e mais ocupado, sem muito tempo para delongas e carregamentos de links. O menu serve apenas para rolar a página até um determinado tópico, mas isso não faz com que outra página seja carregada, o que economiza muito tempo dependendo da conexão disponível no momento.

Blog
Os blogs precisam de um público-alvo definido e de acompanhamento constante. Em geral, apresentam potentes ferramentas de divulgação e marketing, tendo o poder de convencer clientes de forma sutil ao invés de um anúncio direto e forçado. As redes sociais são indispensáveis para serem agregadas ao blog na intenção de criar um vínculo ou relacionamento com seus consumidores. Blogs também podem ser associados aos sites dinâmicos por serem pensados em leitores fiéis que querem sempre estar antenados nas novidades.

Portais
Site ideal para quem vende informação e visam retorno de compra e publicidade como Yahoo, G1, etc. Juntamente com seu conteúdo, os portais contém fóruns e diretórios, buscadores, previsão do tempo, mapas, bate-papo, notícias, citações e etc.

Como criar um site? E o que é um site simples?
Tudo depende do ponto de partida da identidade visual do cliente e quais são as aplicações que atendem a necessidade do cliente. Aqui na Webby trabalhamos exclusivamente com o WordPress, a plataforma mais popular do mundo, que no seu próprio site diz ”34% da internet usa o WordPress, de blogs amadores até os maiores sites de notícias.” Inicialmente enviamos um briefing onde o cliente irá preencher diversas informações que serão muito úteis na apresentação do layout.

Em seguida damos start na criação (a melhor parte), pois é ali que o site começa a ganhar vida, na personalização do layout, criação das páginas, definição de banners e a diagramação de todo o conteúdo, de textos, fotos, notícias, vídeos, até a finalização do projeto.

Separamos alguns pontos que englobam um a criação de site simples
– Layout moderno, dinâmico e responsivo (adaptável para smartphone e tablets)
– Site Institucional com até 05 páginas
– Páginas diagramadas com chamadas / textos / fotos / vídeos / pdf´s
– Aplicação WhatsApp
– Formulário para contato / orçamento
– Mapa de localização
– Diagramação de conteúdo
– Otimização do site (SEO)
– Plataforma de mídias sociais integradas ao site
– Cadastro em ferramentas Google
– Suporte e atendimento para pleno funcionamento do site

Quanto custa ter um site?
Nós trabalhamos com 2 planos:
Plano Integral – A proposta integral não tem mensalidade (após a quitação do site, você pagará anualmente apenas a hospedagem e domínio para manter os serviços ativos). Engloba todo o serviço de personalização do layout, diagramação e SEO. Não incluso alterações mensais pela agência após a finalização do site.

Plano Mensal – A proposta mensal engloba todo o desenvolvimento do layout, diagramação, auxílio nas imagens, conteúdo escrito e SEO. Estão inclusas atualizações mensais, como: banners, inclusão de notícias, textos, fotos, realizadas pela agência, onde o cliente realiza as solicitações.

O que é Domínio?
O domínio funciona como um aluguel. Quando se um site registra pela primeira, vez você tem direito de usá-lo por um determinado tempo. Assim que o tempo for encerrado, ele pode ser renovado. Caso a renovação não ocorra, o domínio passa a ser de quem registra-lo primeiro.

O domínio nacional é todo aquele terminado em “.br” e o órgão que regula os registros é o NIC.br. Atualmente, o valor está de R$40,00 por ano, e caso queira garantir por mais de 1 ano, um desconto é aplicado. No entanto, é possível o período de renovação de 1 a 10 anos.

Plano de hospedagem de sites
A hospedagem nada mais é que um computador responsável por armazenar e deixar disponíveis arquivos para serem acessados por outros computadores.
O custo de hospedagem pode variar bastante. Aliás, depende do tipo de site que você tem interesse em criar. Entre os planos mais em conta temos a HostGator (que oferece planos com um bom custo benefício).

No caso de um site E-commerce, deve-se procurar outro plano de hospedagem, podendo ser um VPS ou Cloud, que variam de R$ 50,00 a R$ 1.000 por mês.
Se não está em condições financeiras de adquirir nenhuma dessas opções, há também as gratuitas, mas com diversas restrições nos recursos e no suporte. Há sempre a opção de hospedagem premium, liberando diversas ferramentas para seu site.

Sempre analise a reputação da empresa, até porque ela será a guardiã de seus arquivos mais importantes relacionado ao site. Dê uma olhada no reclame aqui e veja se a empresa tem muita reclamação. Além disso, também é válida a pesquisa nas redes sociais.

Aparência e layout
A aparência e layout podem salvar seu site, no sentido que podem aumentar suas vendas e visualizações no site, pois o que mais chama atenção e atrai o público é o visual do site. Dessa forma, se é interativo, intuitivo e usa cores das sua identidade visual aliada a criatividade, isso faz toda a diferença para o internauta.

Mas a parte mais importante em relação ao layout é que define a primeira impressão
Quando o cliente em potencial visita seu site, ele tem a primeira impressão do seu negócio. Em poucos segundos sua empresa é julgada de modo positivo ou negativo, de acordo com a imagem que você passa. Se o seu site for lento, ou ainda tem um layout muito antigo a experiência não será agradável e imediatamente irá surgir uma impressão negativa da sua empresa. É bem provável que o usuário saia da sua página para a página e vá acessar o site de um concorrente.

Você pode ver seu site do seguinte aspecto, ele é como o melhor funcionário de atendimento que você poderia ter. Se o seu site for fácil de assimilar, moderno e convidativo, os usuários se sentirão bem-vindos em seu site e vão querer saber tudo sobre a empresa e provavelmente entrarão em contato para uma cotação ou orçamento.

Fora que o layout pode impactar na sua estratégia de otimização de mecanismo de busca (SEO). Muitos elementos e práticas de design influenciam a maneira como o usuário visualiza seu conteúdo, e com isso o Google pode detectar esse comportamento e pode trazer uma vantagem de indexação.

Produção de conteúdo
Depois de decididos todos os requisitos, chegamos a um dos passos finais. No entanto, mesmo deixado por último, é um dos mais importantes. Determinar o conteúdo que vai ser publicado e como vai ser distribuído é fundamental.

O conteúdo é tudo aquilo que será consumido pelos leitores ao acessarem o seu site. Dá para construir conteúdo por conta própria ou terceirizar também. Ao optar por fazer por conta própria, deve-se levar em consideração reunir as informações mais relevantes para os clientes, desenvolver textos inéditos, focando nas palavras chave de modo habilidoso traz ótimos resultados e muita relevância para o Google.

Ainda vale a pena investir em sites?
Após toda essa informação, você pôde analisar todas os processos, indo desde a criação até a finalização de um site. Agora vem a pergunta: será que realmente compensa ter um site?

Sua jornada na internet começou a partir da pesquisa pelo Google, que te direcionou a links importantes relacionadas às palavras chaves que usou, e cá estamos. Dificilmente você teria acesso às informações passadas aqui, caso não existisse este site.
Por exemplo, mesmo que já tenha escolhido o local onde vai passar as férias, por onde iria consultar, de forma rápida, os pontos turísticos e os valores da passagem? Através de sites na internet.

Seu site pode ter a finalidade que você der a ele. Dessa forma, seja educativo, empresarial, empregatício, informativo e outras inúmeras opções. Assim, sua função é sempre fornecer conteúdo aos clientes.

Se você ainda tem dúvidas sobre criar um site, analise sua rotina na internet e veja a importância que eles têm para que você. Pense em quando você acessa conteúdos de seu interesse. Seu público/consumidor talvez já esteja procurando o site da sua loja ou empresa e não encontra. Reflita sobre o poder de alavancar suas vendas e dar visibilidade ao seu negócio.

Sem dúvidas, investir em um site compensa e muito. Ele ajuda seus clientes a encontrarem seu produto ou serviços. Além disso, quando agregado a uma rede social, seu site terá muita visibilidade.
Lembrando que o site, por si só, não irá captar clientes. Após o desenvolvimento é muito importante atualizar com novos conteúdos, fazer anúncios, divulgar por rede social, WhatsApp, e-mail, entre outras formas, ou seja, buscando sempre dar cada vez mais visibilidade ao seu site até que ele torne-se referência.

Equipe Webby